Página inicial / Estudar & Trabalhar / Trabalhar no exterior sem inglês

Trabalhar no exterior sem inglês

medo-de-falar-em-ingles-1

O sonho de trabalhar no exterior pode levar muitos brasileiros a viver essa experiência fora do país sem nem mesmo ter um nível de fluência na língua do destino em que vai chegar. É claro que você já ouviu falar de várias pessoas que conseguem trabalhar no exterior sem falar nem mesmo uma palavrinha de inglês, mas será que é possível conseguir ter boas oportunidades de fazer uma grana para levar para a casa assim?

Subempregos são os que mais oferecem oportunidades

Para quem não fala nem um pouco de inglês, mas apenas algumas frases e palavras, as oportunidades de emprego que vão surgir são sempre aquelas chamadas de “subempregos”.

Os subempregos são cargos como faxineiro, auxiliar de cozinha, auxiliar de construção, lixeiro ou qualquer outro que não exija o uso da língua para sua execução. Nesses tipos de emprego, além de receber um pouquinho a menos por hora trabalhada, você não terá muitas interações com seus outros colegas de trabalho e poucas oportunidades para “crescer” na empresa em que se encontra.

Nível básico de inglês é necessário para uma oportunidade melhor

Para quem busca oportunidades melhores de trabalho – inclusive em empresas melhores, como redes de hotel, restaurantes mais qualificados – o nível básico de inglês é o mínimo que você deve ter. Isso lhe permite se comunicar melhor com colegas, superiores e clientes, além de abrir portas para um possível processo de aprendizado da língua.

É possível estudar e ir melhorando de emprego

Se você está indo para o exterior para estudar a língua e, de quebra, arrumar um emprego para pagar as contas, é possível que você consiga ir trocando de oportunidades de acordo com o avanço que terá no aprendizado do idioma. Por isso é que a melhor escolha para um não falante de inglês é sempre optar por priorizar o curso de idiomas ao invés do trabalho, para ai sim conseguir melhores propostas de emprego e pagar suas contas quando estiver realizando o intercâmbio.

Países falantes da língua inglesa são ainda mais exigentes

Se você vai trabalhar no exterior em um país que não tem a língua inglesa como a oficial, talvez você não tenha tanto problema em arrumar um emprego em que o inglês seja uma exigência, mas precisará ter talento para se virar na comunicação.

Entretanto, para países falantes da língua inglesa a exigência para a capacidade de se comunicar na língua é bastante grande e, por isso, é preciso se dedicar caso você realmente esteja procurando por uma boa oportunidade de trabalho.

Você conhece alguém que foi trabalhar no exterior sem inglês? Conte para a gente um pouco das experiências e venha descobrir como conseguir uma boa oportunidade de trabalho e, de quebra, melhorar sua fluência nessa língua tão importante!

Comentários

Sobre IntercâmbioDireto.com

Somos uma plataforma online que conecta estudantes e escolas no exterior sem taxa de agência, com suporte e assessoria grátis.

Checar também

Desvende-o-Caribe-Brasileiro-nos-melhores-hoteis-em-Maragogi1-900x450

Melhores destinos para viajar no verão

Ah, o verão! A estação do ano mais esperada pela maioria das pessoas, por conta …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *